As Políticas Públicas de Lazer na Mediação Entre Estado e Sociedade: Possibilidades e Limitações

Por: Carlos Ferreira Borges, Grece Teles Tonini, Keni Vazzoler Areias e Poliana Nery de Castro.

XVI Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte - CONBRACE

Send to Kindle


Resumo

Esse estudo foi realizado na Universidade Federal do Espírito Santo e se constituiu na tentativa de avaliar uma ação do Estado junto a sociedade no campo do lazer, a partir da sua eficiência, eficácia e efetividade social (BELLONI et al, 2003), utilizando-se como indicador um dos elementos apresentados por Marcelinno (2001): a concepção que os gestores têm de lazer. Para tanto, tomamos como referência o Programa Esporte e Lazer da Cidade (PELC) e buscamos identificar nas diretrizes provenientes do Ministério do Esporte e nas ações observadas no Município de Vitória-ES, a concepção de Estado, Políticas Públicas e, principalmente de Lazer.

Endereço: http://congressos.cbce.org.br/index.php/conbrace2009/XVI/paper/view/672

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.