As Relações Raciais e a Formação Docente em Educação Física no Brasil: o Que Diz a Legislação?

Por: Ana Cláudia Carvalho.

130 páginas. 2014 14/05/2014

Send to Kindle


Resumo

O objeto de estudo desta pesquisa é “a legislação que rege a formação de professores para a educação básica e a formação de professores de Educação Física sobre as relações raciais”. Objetivamos com este estudo, contribuir para o entendimento sobre a formação dos professores de Educação Física frente aos desafios postos pelas relações raciais no Brasil. Analisamos a legislação sobre as relações raciais (Lei Nº 10.639/2003, o Parecer CNE/CP Nº 003/2004 e a Resolução CNE/CP Nº 01/2004); sobre a formação de professores para a educação básica (Parecer CNE/CP Nº 009/2001 e a Resolução CNE/CP Nº 01/2002); e sobre a formação de professores de Educação Física (Parecer CNE/CES Nº 0058/2004 e a Resolução CNE/ CES Nº 07/2004). Para tanto, utilizamos o conceito de ideologia e o referencial teórico metodológico da hermenêutica de profundidade propostos por John B. Thompson (1998). Constatamos nesta pesquisa que a legislação sobre as relações raciais, mesmo com suas limitações, possui alguns avanços. Dentre os quais destacamos a possibilidade de colocar em discussão as relações raciais nos diversos estabelecimentos de ensino, como na formação de professores. Apesar disso, tanto a legislação sobre a formação de professores para a educação básica, quanto a legislação sobre a formação de professores de Educação Física não focam em ações direcionadas às relações raciais.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.