As Representações Sociais do Ato Pedagógico dos Professores de Educação Física Que Atuam no Ensino Fundamental no Município do Rio de Janeiro

Por: Moebus José Retondar.

Motrivivência - v.21 - n.33 - 2009

Send to Kindle


Resumo

O objetivo da pesquisa é identificar as representações sociais do atopedagógico dos professores de educação física que atuam no ensino fundamental no Município do Rio de Janeiro. Para tal foi feito um levantamento panorâmico e sintético da história da educação física e do contexto da educação física escolar,bem como, a demarcação da noção de representação social. Foi aplicado1 (um) questionário aberto, com 13 (treze) perguntas, a 16 (dezesseis)professores de educação física, da rede municipal de ensino, da cidade do   Rio de Janeiro, que ministram aulas no ensino fundamental, sobre o modo como pensam sua prática e como fundamentam a sua intervenção e a sua profissão. Ao analisarmos os discursos à luz da perspectiva interpretativa de Orlandi, identificamos que o professor se auto percebe como um educador e, ao mesmo tempo, demonstra inúmeras contradições teóricas e conceituais entre o seu pensar e o seu fazer. Consegue fundamentar a sua prática por um único viés, que é apsicomotricidade, ainda que verbalize sobre a formação integral do aluno.

Endereço: http://www.periodicos.ufsc.br/index.php/motrivivencia/article/view/15585/14123

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.