As Trajetórias de Vida dos Estudantes-Trabalhadores da Educação de Jovens e Adultos: Os Significados da Educação Física Um Estudo em Uma Escola da Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre

Por: José Antonio Padilha dos Reis.

218 páginas. 2011 00/00/0000

Send to Kindle


Resumo

Trata-se de um estudo em uma escola da Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre que busca compreender os significados da Educação Física nas trajetórias de vida dos estudantes-trabalhadores da Educação de Jovens e Adultos (EJA). O estudo contou com a colaboração de oito estudantes-trabalhadores, em que se procurou compreender a Educação Física escolar na perspectiva destes sujeitos, tanto na escola regular como na EJA, através de suas histórias de vida. Os instrumentos de coleta de informações foram a observação participante, diário de campo, análise de documentos, entrevista semiestruturada que, triangulados com a literatura especializada da EJA e da Educação Física possibilitaram interpretar os significados da Educação Física para estes sujeitos. Os significados referidos pelos estudantes-trabalhadores, quando na escola regular, revelam uma disciplina apoiada no esporte e na aptidão física (mas sem exigência de rendimento), a repetição dos mesmos conteúdos em diferentes espaços escolares, a ausência de aprendizagens significativas, o que faz com que os estudantes deem pouco valor a esta disciplina, embora, eventualmente, gostem de uma ou outra atividade. Na EJA se percebe outro tratamento da Educação Física por parte dos colaboradores, quando eles dizem que é uma matéria que têm que estudar, diferente da situação anterior. Embora se perceba um tratamento instrumental-informativo dessa disciplina, a abordagem pedagógica através das aulas teóricas na EJA é valorizada pelos estudantes. A necessidade de escrever, ir ao quadro, responder perguntas, fazer provas, faz com que a disciplina, na perspectiva dos colaboradores, se torne uma matéria que seja necessário estudar, diferente da situação anterior em que se abandona ou desiste quando não se gosta. Isso sugere a necessidade de outros enfoques da Educação Física escolar, em que outras possibilidades educativo-formativas sejam exploradas.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.