Asma e Natação - Notas Preliminares

Por: Brum Negreiros e Fernando Tovar.

Boletim Técnico Informativo - n.8 - 1979

Send to Kindle


Resumo

Na longa experiência clínica com tratamento de asmáticos, o fato mais constante que apareceu na análise da cura desses doentes foi a prática da natação.

Despertando nesse sentido, procuramos verificar nas piscinas cariocas por que a natação foi escolhida como forma de recuperação física. O resultado não surpreendeu, confirmando o que já se sabia empiricamente: que o desenvolvimento da criança na piscina condicionava um paralelo desaparecimento das crises de asma. £ importante saber que vários campeões atuais e do passado se tinham dirigido, para a Natação, não por inclinação, mas por necessidade de saúde.

Evidentemente, não cabe neste artigo o estudo da doença em si, mas o enfoque da única falha existente, que é justamente a falta de entrosamento entre os instrutores de natação e os médicos. A primeira causa é o desconhecimento que os médicos têm da dinâmica da natação c das técnicas de treinamento. Por sua vez, lògicamente, os instrutores ignoram o mecanismo da asma

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.