Aspectos Lúdicos e « Crísicos » do Lazer Popular

Por: Giovanina Gomes de Freitas Olivier.

Licere - v.11 - n.2 - 2008

Send to Kindle


Resumo

O presente texto se propõe a discutir as dimensões do lazer popular que chamaremos de “crísicas”, seguindo um artigo de Edgar Morin (MORIN, 1984). Começaremos por considerar o lazer como aquilo que constitui a maior parte da cultura popular, se não mesmo a sua totalidade. Em seguida, buscaremos definir a cultura popular não tanto em termos de conteúdos, mas em termos de dinâmica, ou seja, como um campo específico das relações sociais. Nesse contexto, compreenderemos o lúdico como sendo o elemento que pode, num dado momento, desorganizar as relações de força no interior de um campo, promovendo dessa maneira uma crise. Em outras palavras, nós tentaremos compreender o que é “crísico” no lúdico, ou seja, o que faz do lúdico um elemento potencialmente transformador das relações sociais. Para tanto, utilizaremos como estudo de caso um evento popular, o “Retome a sua rua”, que ocorre anualmente na cidade de Quebec, no Canadá.

Endereço: http://www.anima.eefd.ufrj.br/licere/pdf/licereV11N02_a2.pdf

Tags: ,

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.