Associação Entre Ambiente Construído em Prédios Públicos, Características dos Usuários e Uso de Escadas

Por: .

Revista Brasileira Atividade Física & Saúde - v.12 - n.3 - 2007

Send to Kindle


Resumo

O objetivo do estudo foi analisar a associação entre as características dos usuários de prédios públicos e do ambiente construído na freqüência de utilização de escadas. Foram observados usuários (n=893) de dois edifícios de uma Universidade Pública. O prédio A possuía escadas de fácil acesso, amplas, bem iluminadas e decoradas com obras de arte e o prédio B características opostas. Foram registrados: a) gênero; b) transporte de carga; c) tipo de silhueta e d) uso de elevador ou escada. Para análise dos dados foram utilizados os testes de Qui-quadrado para heterogeneidade e para tendência, com o programa SPSS 11. A maior parte dos usuários (61,6%) utilizava escadas como principal via de acesso. No entanto, verificou-se menor uso de escadas no prédio B (53,4%) comparado ao prédio A (67,3%). No prédio B foi observada uma tendência (χ2=8,1; p=0,015) de aumento no uso de escadas entre os homens que transportam cargas médias/pesadas (66,7%) quando comparados aos que transportam cargas leves (61,1%) e aqueles que não transportam cargas (46,1%). Entre as mulheres houve uma tendência (χ2=3,7; p=0,05) de maior uso de escadas entre aquelas com silhueta normal (62,9%) quando comparadas àquelas de silhueta leve (47,6%) e pesada (34,5%). Estes resultados reforçam estudos similares que apontam para a necessidade de oferta de escadas com características arquitetônicas e estéticas que incentivem a sua utilização.

Endereço: http://www.sbafs.org.br/_artigos/55.pdf

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.