Associação Entre Nível de Atividade Física de Lazer dos Pais com o Nível de Atividade Física dos Filhos

Por: , Natalia de Lemos, e Roseni Nunes de Figueiredo Grisi.

Revista Brasileira Atividade Física & Saúde - v.15 - n.2 - 2010

Send to Kindle


Resumo


Vários estudos vêm demonstrando os benefícios da prática regular de Atividade Física (AF)para a saúde e bem-estar dos seus praticantes. Entretanto, os estudos realizados com adolescentesapresentam resultados controversos sobre os fatores associados à prática de AF. Algunsestudos indicam que o nível de AF dos pais possa influenciar no nível de AF dos seus fi lhos. Oobjetivo do estudo foi verificar a associação entre o nível de AF de lazer dos pais com o nível deAF dos filhos. Participaram 467 adolescentes do Ensino Médio (15,8±0,9 anos) e 678 pais, todosmoradores da cidade de Rio Claro no Estado de São Paulo-Brasil. A prevalência de AF entre osadolescentes foi de 17,34%. Os resultados demonstraram que a prevalência de AF foi maiorno sexo masculino (26,76%) do que no feminino (9,45%). A prática de AF no lazer dos pais (paie mãe) foi de 41,6%, sendo que as mães praticam mais AF (58,23%) do que os pais (15,47%).Foi observado que não houve associação entre prática de AF de um dos pais no nível de AFdos filhos (p > 0,05). Entretanto, o nível de AF do pai e da mãe influenciou no nível de AF dosfilhos (p < 0,05). Concluiu-se que o nível de AF do pai e da mãe influenciou na prática de AFdos seus filhos. Esse resultado indica a importância da influência do ambiente familiar na AFdos adolescentes.
 

Endereço: http://periodicos.ufpel.edu.br/ojs2/index.php/RBAFS/article/view/703

Ver Arquivo (PDF)

Tags: Nenhuma cadastrada :(

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.