Associação Entre Qualidade do Sono e Qualidade de Vida de Profissionais de Enfermagem Que Trabalham em Turnos

Por: Beatriz Bojikian Matsubara, José Eduardo Corrente e Valéria de Castilho Palhares.

Revista de Saúde Pública - v.48 - n.4 - 2014

Send to Kindle


Resumo

Analisar a associação entre a qualidade do sono e a qualidade de vida dos profissionais de enfermagem segundo organização do trabalho.Estudo transversal, observacional e prospectivo, com 264 profissionais de enfermagem em Botucatu, SP, entre janeiro e dezembro de 2010. Os sujeitos foram sorteados entre os 989 indivíduos que trabalhavam no Hospital Geral de Botucatu e estratificados por categoria profissional. O Índice de Qualidade de Sono de Pittsburgh e o WHOQOL-bref foram aplicados para avaliar qualidade do sono e qualidade de vida, respectivamente. Os dados demográficos foram coletados por meio de formulário padrão. Variáveis contínuas foram apresentadas como média e desvio padrão e variáveis categóricas, como proporções. As associações foram avaliadas por meio do coeficiente de correlação de Spearman. As associações entre turno e sexo com a qualidade do sono foram analisadas por meio de regressão logística, no modelo corrigido para idade. Distúrbio do sono foi a variável dependente. O nível de significância adotado foi p < 0,05.

Endereço: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S0034-89102014000400594&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.