Associação Entre Tempo de TV e os índices de Produtividade e de Percepção de Segurança no Trabalho

Por: Christiane Batista Costa, Fernanda Cunha Soares, Fernando José de Oliveira Mélo Filho, Giovanna Mingareli Nogueira, José Pierry Larry Cruz Silva, Kleber Barbosa Silva e Mauro Virgilli Gomes de Barros.

XII Congresso Brasileiro de Atividade Física e Saúde - CBAFS

Send to Kindle


Resumo

Um menor tempo de exposição a comportamentos sedentários pode ser benéfico, aumentando o nível de qualidade de vida de trabalhadores e, por conseguinte, aumentando a sua produtividade. O objetivo deste estudo é analisar a associação entre tempo de assistência à televisão (TTV) e índices de produtividade (IPro) e de percepção de segurança no trabalho (IPST). Realizou-se estudo transversal a partir da base de dados da Metodologia ASSTI (n = 17.364 trabalhadores), do Serviço Social da Indústria. A coleta de dados foi realizada mediante utilização de questionário administrado na forma de entrevista coletiva, usando procedimentos metodológicos padronizados e previamente testados. Na análise dos dados foi utilizada regressão logística binária, controlada por idade e escolaridade.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.