Atividade Física no Lazer e a Percepção de Qualidade de Vida Durante o Período Gestacional

Por: Ana Cláudia Hirasawa, Monica Yuri Takito e Simone Cristina Scarpa Romero.

Corpoconsciência - v.17 - n.1 - 2013

Send to Kindle


Resumo

Introdução: A prática de atividade física na gestação proporciona diversos benefícios à saúde materna, dentre eles a diminuição de patologias e sintomas comuns à gestação. Estudos têm observado o importante papel que a atividade física possui na melhora da percepção de saúde da gestante, onde de forma direta afetará sua qualidade de vida. Objetivo: Verificar a relação entre a percepção de qualidade de vida durante a gestação e a prática de atividade física no lazer (AFL). Métodos: Trata-se de um estudo transversal com 200 puérperas usuárias de dois hospitais de Santo André, sendo um do serviço público e outro do privado de atendimento de pré-natal. Foi aplicado um questionário para que as mulheres recordassem informações referente ao período gestacional, sendo avaliado o padrão de atividade física.  Para avaliar os aspectos ligados a qualidade de vida foi utilizado o questionário SF-12. Foram realizados o teste t, qui-quadrado e o modelo de regressão linear múltiplo. Resultados: Observou-se que apenas 39 mulheres praticaram alguma AFL na gestação, sendo que a maioria considerava sua saúde boa ou excelente. Ainda, as ativas apresentaram maior componente mental (p=0,035), quando comparadas as inativas. Quando avaliado isoladamente, observou-se relação do componente mental com o serviço privado de saúde, renda, nível de escolaridade, presença de patologias, e presença de companheiro. Já, o componente físico relacionou-se com a idade materna, o baixo peso, a obesidade, e o hábito de fumar durante a gestação. Conclusão: Visto a existência de poucos estudos que relacionem a prática de AFL com a qualidade de vida da gestante, sugere-se a realização de novos estudos. Ainda, devem ser pensadas em estratégias para a promoção da atividade física, considerando-se possíveis barreiras para a prática neste período da vida. Consequentemente, a mulher adotaria um estilo de vida ativo, proporcionando melhor qualidade de vida para a saúde materno-fetal.

Endereço: http://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/corpoconsciencia/article/view/3558

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.