Atividade Física, Processo Saúde-doença e Condições Sócio-econômicas: Uma Revisão da Literatura

Por: Alexandre Palma.

Revista Brasileira de Educação Física e Esporte - v.14 - n.1 - 2000

Send to Kindle


Resumo

Apesar da clareza, encontrada em diversos estudos, a espeito dos benefícios que a atividade física regular proporciona à saúde, pode ser questionável a nterpretação que se faz destes achados. De um modo geral, a visão hegemônica aponta para um viés iológico individualizado da doença. Por outro lado, já existem, em várias pesquisas, fortes evidências das relações ntre condições sócio-econômicas e estado de saúde. Dentro destas evidências, encontram-se, também, as ssociações com a prática de atividade física regular. O objetivo deste estudo, então, foi organizar uma evisão da literatura sobre as condições sócioeconômicas, o processo saúde-doença e a prática da atividade física. O rabalho, assim, chega a conclusão de que a atividade física está bastante associada ao estado ócio-econômico e que os programas de intervenção em educação física, no campo da saúde pública, devem ser evistos.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.