Atividade Física e Qualidade de Vida em Idosos do Município de Cianorte - Pr

Por: Meire Pereira Valentini.

101 páginas. 2010 10/12/2010

Send to Kindle


Resumo

Introducao: No contexto das sociedades industrializadas e em desenvolvimento, o estilo de vida e, em particular a atividade fisica, tem sido cada vez mais fator decisivo na qualidade de vida (QV) tanto no geral quanto relacionada a saude das pessoas em todas as idades e condicoes. Objetivo: Analisar a associacao entre o nivel de atividade fisica de lazer e de transporte com a qualidade de vida em idosos do municipio de Cianorte . PR. Metodologia: A amostra foi do tipo probabilistica com a tecnica de selecao estratificada por sorteio aleatorio, totalizando 1303 idosos cadastrados na Secretaria Municipal de Saude (n=464 homens e n=839 mulheres). Os dados foram coletados por inquerito domiciliar e o instrumento de medida foi composto pelo Questionario Internacional de Atividade Fisica (IPAQ-Versao Longa e Semana Tipica); Qualidade de Vida (WHOQOL . Bref da OMS); Fatores de Risco (Vigilancia dos Fatores de Risco e Protecao para Doencas Cronicas por Inquerito Domiciliar - VIGITEL) e Aspectos Sociodemograficos. A atividade fisica (AF) foi considerada como variavel dependente. Para o dominio lazer, as atividades foram classificadas em: caminhada (. 150 min/sem), e AF de lazer em geral (. 150 min/sem). No dominio transporte foram consideradas a caminhada e o uso de bicicleta (. 150 min/sem). Os escores de qualidade de vida (QV) foram computados para cada um dos quatro dominios (fisico, psicologico, relacoes sociais e meio ambiente) e categorizados em tercis. A variavel gQV geral h foi considerada com a soma dos escores dos quatro dominios e tambem categorizada segundo tercis. Resultados: Em relacao aos aspectos sociodemograficos, os dados demonstraram que 51,6 % da populacao da pesquisa estao na faixa etaria 60-69 anos e 59,5% sao casados ou vivem com parceiro. Quanto ao nivel socioeconomico, 88,6% apresentam- se na categoria C, sendo que 60,4% sao aposentados. Quanto aos aspectos de saude e estilo de vida, 43,9% dos idosos apresentaram um IMC referente a normalidade e apenas 3,5 % diz ter uma percepcao de saude excelente. A caminhada foi a atividade fisica de lazer mais realizada pelos idosos. Os homens foram mais ativos do que as mulheres na caminhada no lazer (28,2% versus 14,3%), na atividade fisica de lazer (44% versus 23,6%) e no deslocamento ativo (35,8% versus 10,5%). As idosas consideradas ativas na caminhada apresentaram uma associacao positiva com a qualidade de vida nos dominios fisico, psicologico e qualidade de vida geral (p<0,001). Os homens que praticam atividade fisica de lazer apresentam associacao positiva com o dominio meio ambiente e qualidade de vida geral (p<0,001) e as mulheres apresentam associacao positiva em todos os dominios (p<0,001), exceto no dominio relacoes sociais. Na atividade fisica de deslocamento ambos os sexos nao apresentaram associacao com a qualidade de vida. Conclusao: A associacao entre qualidade de vida e atividade fisica de lazer e de transporte e especifica para dominios da QV e distinta entre homens e mulheres.

Endereço: http://hdl.handle.net/1884/25041

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.