Atividades Lúdicas Como Fator Pedagógico Para o Ensino da Natação

Por: Luiz Henrique da Silva.

60 Reunião Anual da SBPC

Send to Kindle


INTRODUÇÃO:

A natação pode ser praticada para os mais variados fins, como terapêuticos, lazer, rendimento e educacional, por exemplo. Esta atividade possui muitas características positivas e marcantes, como o desenvolvimento das capacidades físicas, motoras e cognitivas.

Além disso, o contato da água com o corpo do praticante proporciona sensações de prazer e relaxamento. A natação praticada por pessoas de todas as idades e gêneros, e o surgimento de nadadores brasileiros como Gustavo Borges, Fernando Scherer e Thiago Pereira têm impulsionado o aumento do número de praticantes. Entretanto, é preciso ter cautela com os modelos de aulas adotados ao público infantil, para que a busca por novos campeões não gere especialização precoce, trazendo prejuízos às crianças. A utilização de atividades lúdicas nas aulas se torna uma importante estratégia pedagógica no processo de ensino-aprendizagem, motivando os alunos à participação, estimulando a criatividade e imaginação. Dessa maneira, a presente pesquisa teve como objetivo investigar se as atividades lúdicas e recreativas estão sendo utilizadas como meio didático-pedagógico no processo de ensino-aprendizagem nas aulas de natação para crianças com idade entre 3 e 6 anos nas academias de natação da cidade de Barretos - SP.


 METODOLOGIA:

Participaram deste estudo 7 professores de natação (1 homem e 6 mulheres; 26,43 4,72 anos) que ministravam aulas para crianças com idade entre 3 a 6 anos, nas academias de natação da cidade de Barretos - SP. Para a coleta de dados, foi elaborado especificamente para este estudo um questionário com questões abertas e fechadas. Para validação do instrumento, o questionário foi submetido às observações e críticas de 4 professores Universitários (Unesp - Rio Claro, Fafibe - Bebedouro, Unicamp, Unifian - Leme) da área de atuação relacionada à natação. Para participarem do estudo, os sujeitos leram o termo de Esclarecimento, que explicitava o objetivo do estudo, a metodologia, garantia o sigilo da identidade do participante e deixava claro que o mesmo poderia se retirar da pesquisa em qualquer momento. Após a leitura do termo de Esclarecimento, assinaram o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido, tornando-se aptos a participarem da pesquisa. Após isto, foi aplicado o questionário em forma de entrevista pelo pesquisador, com o máximo de cuidado para não influenciar nas repostas. Todos os questionários foram aplicados pelo mesmo pesquisador. Os dados foram analisados de forma qualitativa e os resultados foram apresentados utilizando-se da estatística descritiva.


 RESULTADOS:

Todos os participantes declararam utilizar atividades lúdicas e recreativas em suas aulas, sendo que os entrevistados responderam utilizar tais atividades com objetivo motivacional, auxiliando na aprendizagem. Além disso, apenas um participante mencionou a utilização destas atividades com intuito de desenvolvimento integral da criança, alcançando aspectos social, afetivo, cultural e psico-motor. Os entrevistados enfatizaram a melhoria da qualidade de movimento com a utilização de atividades lúdicas, sendo que apenas um participante mencionou, além da melhora coordenativa, a melhora na expressão corporal e criatividade dos alunos. Apesar de todos os entrevistados terem declarado utilizar as atividades lúdicas em suas aulas, analisamos a proporção em que elas são utilizadas em detrimento das atividades chamadas específicas (técnicas). Dessa maneira, verificamos que alguns professores pouco utilizam as atividades lúdicas, mesmo para crianças com 3 anos. Com o aumento da idade, de 3 para 6 anos, verificamos que os professores diminuem ainda mais a proporção de atividades lúdicas em detrimento das atividades específicas da natação. Mais da metade dos participantes declarou utilizar muito pouco as atividades lúdicas para crianças com 6 anos.


CONCLUSÕES:

Através da análise dos resultados, podemos concluir que os professores de natação da cidade de Barretos - SP - utilizam o lúdico como meio pedagógica para o ensino da natação para crianças de três a seis anos, com a justificativa de propiciar maior motivação aos alunos, deixando-os mais suscetíveis ao aprendizado. Entretanto, apenas um entrevistado mostrou consciência na utilização deste recurso com outros fins além do motivacional. Há um decréscimo da porcentagem de utilização destas atividades com o aumento da faixa etária, de 3 para 6 anos. Apesar da necessidade de se introduzir gradativamente atividades específicas no ensino da natação, a idade de 6 anos ainda necessitaria de maiores cuidados, sendo que mais da metade dos entrevistados declararam utilizar pouquíssimo as atividades lúdicas nesta faixa etária. Outros estudos precisam ser realizados para verificar com maior profundidade as atividades lúdicas que estão sendo realizadas, pois as mesmas precisam respeitar os níveis de aprendizagem e desenvolvimento motor da criança para atingir os propósitos didáticos-pedagógicos no processo de ensino-aprendizagem da natação de forma ética e objetiva.

Comentários


:-)





© 1996-2014 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.