Aulas de Educação Física e Materiais Didáticos na Educação Infantil: Que História é Essa?

Por: E. D. S. Freire e P. B. A. Vieira.

IX Congresso Internacional de Educação Física e Motricidade Humana XV Simpósio Paulista de Educação Física

Send to Kindle


Resumo

A utilização de materiais didáticos, para diversificar e subsidiar o processo de ensino aprendizagem é uma prática bastante comum em componentes curriculares da escola. Entretanto, a sua utilização nas aulas de Educação Física é bem recente. A partir de 2007, observa-se a iniciativa de inúmeras secretarias de educação (municipal e estadual) no sentido de oferecer material didático (escrito), para as aulas de Educação Física. Apesar desses esforços, poucos estudos tem se preocupado em verificar juntos aos professores as possibilidades de uso desse material didático. O objetivo desse estudo foi investigar as perspectivas de professores de educação física, atuantes na Educação Infantil, diante da utilização de material didático escrito, nas aulas. Para atingir tal objetivo foi realizada uma pesquisa descritiva de abordagem qualitativa, na qual foram utilizadas como fonte de informações a entrevista semiestruturada e a análise de materiais didáticos escritos usados durante as aulas. A análise de conteúdo foi aplicada para o tratamento das informações obtidas. Participaram da pesquisa quatro professoras de Educação Física, atuantes nas redes públicas e privadas do Estado de São Paulo. A partir da análise das informações, identificamos que os principais materiais utilizados são os gibis, os livros paradidáticos e textos didáticos e que dentre os critérios considerados para escolha dos materiais estão a relação estabelecida com o conteúdo abordado, a extensão, a atratividade visual e de linguagem. Diferentes manifestações da cultura corporal estiveram entre os principais temas abordados, analisadas em suas dimensões conceitual, atitudinal e procedimental. As professoras acreditam na relevância da utilização do material escrito e destacam a boa recepção do material por parte dos estudantes. Contudo, consideram que a maior dificuldade enfrentada está na escassez de material didático disponível no mercado e nas escolas. Diante dessa análise, concluímos que o uso de materiais didáticos está relacionado com a uma visão do professor que ultrapassa o simples "fazer por fazer" e, que apesar de ser um tema pouco explorado na literatura científica e nos cursos de formação de professores, percebemos um esforço por parte das participantes, que procuram diversificar a oferta de materiais didáticos, bem como, a construção de estratégias próprias para utilização nas aulas de Educação Física, na educação infantil. 

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/10060/10060

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.