Auto-eficácia, Atividades Físicas e Pré-escolares

Por: Rute Estanislava Tolocka e Tércio Alves do Nascimento.

Pensar a Prática - v.18 - n.1 - 2015

Send to Kindle


Resumo

Este estudo analisa auto-eficácia em situações de prática de atividade física em escolas infantis, observando-se 202 crianças  entre dois e cinco anos de idade de 15 salas de aula. Trata-se de um estudo exploratório--descritivo, feito a partir de filmagens, verificando-se o aparecimento de traços de auto-eficácia, habilidades motoras, interações sociais   e disposições pessoais. As atividades permitiram a manifestação de traços de auto-eficácia e estes estavam ligados aos recursos e disposições pessoais. As interações sociais favoreceram o aparecimento destes traços e isto pode ter ocorrido devido as experiências vicárias e a persuasão verbal. Conclui-se que estes traços de auto-eficácia impulsionam a participação da criança na atividade ao mesmo tempo que são  gerados  por elas.

Endereço: http://revistas.ufg.emnuvens.com.br/fef/article/view/25675

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.