Avaliação da Aplicação do Metodo Mulligan e Massoterapia Classica nas Disfunções da Articulação Temporomandibular em Mulheres Adultas Por Meio da Escala Visual-numerica de Dor e Pelo Sf-36

Por: Renata Cristina Di Grazia.

2009 31/07/2009

Send to Kindle


Resumo

O presente estudo teve como objetivo analisar e verificar os efeitos do programa de terapia manual (Método Mulligan associado à massagem clássica) nas queixas de dor e na qualidade de vida de mulheres adultas com disfunção da articulação temporomandibular (DTM). Participaram da pesquisa 29 mulheres, com idades entre 28 e 59 anos (média de idade de 47,41 (dp±6,71) anos), encaminhadas pelo serviço odontológico do Centro de saúde da Comunidade da Unicamp (CECOM). Todas as voluntárias apresentavam DTM e foram avaliadas antes e após programa de terapia manual utilizando-se a escala visual-numérica de dor e o questionário de qualidade de vida SF-36. O programa de terapia manual foi realizado no setor de Fisioterapia do Cecom-Unicamp durante 16 semanas, com 02 sessões/semanais de 30 minutos, em dias alternados. Utilizou-se estatística descritiva para analise dos dados da anamnese e o teste de Wilcoxon (software SPSS, V. 13.0), com nível de significância de 5% (p< 0,05) para os dados coletados na escala de dor e no SF36. Os resultados mostraram na analise das respostas obtidas com a escala visual numérica de dor, onde as voluntárias responderam de 0 a 10, qual era o número que representava sua dor naquele momento, sendo encontrados na condição pré-terapia os valores: 5 (17,2%); 6 (3,4%); 7 (20,7%); 8 (31%); 9 (10,3%) e 10 (17,2%). Após a terapia manual pode-se verificar que o nível de dor caiu, ou seja, para o valor 0 (37,9%), para o valor 1 (24,1%) e para o valor 2 (31%). Os resultados obtidos no questionário de Qualidade de Vida SF-36 mostraram diferenças estatisticamente significantes com p<0,05. Concluindo pode-se inferir que o programa envolvendo tratamento fisioterapêutico através da terapia manual mostrou-se eficiente para o grupo de mulheres com DTM, pois antes do tratamento elas apresentavam um nível de dor elevado e após o programa de terapia manual esse valor mostrou-se reduzido, com melhora do quadro álgico 

Endereço: http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=000470114&opt=1

Ver Arquivo (PDF)

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.