Avaliação da Aprendizagem no Curso de Física da Unicamp

Por: Cacilda Encarnação Augusto.

ETD - Educação Temática Digital - v.2 - n.2 - 2001

Send to Kindle


Resumo

O presente texto é resultado de um estudo que teve como objetivo identificar, caracterizar e analisar as práticas de avaliação desenvolvidas no Curso de Física da UNICAMP, tendo como óticas privilegiadas a do aluno e do professor. Os dados revelaram que os alunos estão insatisfeitos com o critério de avaliação utilizado, pelos professores, apontando como um dos principais problemas a prova como praticamente a única forma de avaliá-los e a falta de comunicação entre eles e os docentes.A média sete, adotada no curso de Física, que é criticada, pelos alunos é vista como positiva pela maioria dos professores, por acreditarem que ela pressiona os alunos a estudarem. Para os alunos a avaliação, como é feita no Instituto não promove a aprendizagem, porque acaba tendo como objetivo apenas a verificação do que o aluno assimilou do conteúdo e a nota. A concepção de avaliação que marca as falas, de praticamente todos os informantes, é a da avaliação como um instrumento importante para verificar o aprendizado, e não para diagnosticar dificuldades e tentar encontrar formas de superá-las. Percebe-se, portanto, a necessidade de se repensar a avaliação da aprendizagem em seu verdadeiro significado, que é contribuir para que realmente a aprendizagem se concretize.

Endereço: http://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/etd/article/view/1075

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.