Avaliação da Atividade Fisica Sobre a Pressão Arterial e a Função Renal em Ratos Espontaneamente Hipertensos (shr)

Por: Rafael de Camargo Penteado Borges.

172 páginas. 2006 26/07/2006

Send to Kindle


Resumo

A vinculação entre os níveis de atividade física e a elevação pressórica tem sido aventada. No entanto, os mecanismos fisiopatológicos envolvidos nesta modificação da pressão arterial são pouco conhecidos e estudados. O presente estudo tem como objetivo avaliar o efeito da atividade física aeróbia sobre a pressão arterial, a filtração glomerular e a manipulação tubular renal de sódio em ratos espontaneamente hipertensos SHR e normotensos WKy. Os ratos foram divididos em 2 grupos; SHR e WKy, e depois subdivididos em Sedentários e Exercício aleatoriamente. Os ratos tiveram livre acesso a água e comida. A atividade física aeróbia proporcionou um treinamento diário com sobrecarga relativa ao peso corporal, para isso os ratos eram pesados diariamente, durante todo período experimental que foi dividido em 2 etapas subseqüentes. A primeira foi da 4° semana de vida até a 12° semana de vida, totalizando 8 semanas. Após esse período, iniciou-se a segunda etapa, onde os ratos que eram sedentários passaram a fazer exercícios (da mesma forma que o período anterior), e os que faziam exercícios passaram a ser sedentários. Esta segunda etapa durou 6 semanas foi da 12° a 18° semana de vida, totalizando no total de 14 semanas seguidas. A aferição da pressão arterial foi feita semanalmente durante todo o período experimental de todos os grupos. Os resultados mostram que o exercício proporcionou uma redução nos níveis pressóricos nos normotensos e hipertensos, sendo este último uma redução mais evidente (189 ± 0,8 mmHg para 163 ±12 mmHg (p<0,0001)). O estudo da função renal dos animais foi feito semanalmente, através do clearance de Lítio e Creatinina, através da coleta de urina e plasma sangüíneo. As dosagens dos materiais coletados demonstraram que os animais hipertensos mantiveram a taxa de filtração glomerular e a excreção de sódio reduzida. Essa pesquisa conclui que a atividade física aeróbica programada promove uma redução significativa na pressão arterial dos animais hipertensos, e por outro lado, mecanismos contra-regulatórios diminuem a excreção de sódio na aparente tentativa de restabelecer os níveis pressóricos 

Endereço: http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=vtls000388200&opt=3

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.