Avaliação da Performance do árbitro de Futebol 11: Estudo de Caso

Por: Paulo Gabriel de Castro Lemos Cipriano.

97 páginas. 2015 00/00/0000

Send to Kindle


Resumo

O aumento da carga física do jogo de futebol provocou uma maior exigência e desenvolvimento na condição física dos jogadores e por inerência, nos árbitros. Assim o presente estudo procurou identificar e desenvolver um teste para a avaliação dos árbitros de futebol. Foi realizada uma análise sistemática para identificação e descrição da produção científica na área da arbitragem no sentido de sustentar o argumento de insuficiência dos testes vigentes e propor o novo teste que denominámos ETSOR. Após esta, foi realizada uma aplicação piloto com recurso ao método de estudo de caso para testagem do ETSOR. Os resultados revelaram que existe uma dispersão nas formas e conteúdos abordados face à caracterização do árbitro de futebol de 11. A partir do método de meta-análise, é apresentada uma proposta de categorização dos conteúdos. Os resultados revelaram também que o teste FIFA não identifica as intensidades irregulares que decorrem das situações do jogo, nem representa a uma distribuição das intensidades dos esforços dos árbitros nas situações de jogo. O Teste ETSOR, como teste ecológico, capta em termos de densidade, de distribuição, de variação da potência e de resistência, os esforços dos árbitros nas situações de jogo, como testa a características das intensidades máximas da atividade do árbitro. Por último, os resultados reforçaram que este processo que se deve estender de forma periodizada ao longo de cada época tornando-se útil, na medida em que permite a otimização e monitorização da prestação do árbitro.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.