Avaliação Morfométrica de Neurônios Mioentéricos do Duodeno de Ratos (rattus Norvegicus) Adultos Normais e com Diabetes Experimental

Por: José Antônio de Souza e Maria Montserrat Diaz Pedrosa Furlan.

Arquivos de Ciências da Saúde da Unipar - v.5 - n.2 - 2001

Send to Kindle


Resumo

O diabetes mellitus é uma doença que reduz a expectativa e a qualidade de vida do indivíduo portador. Várias alterações ocorrem nos diversos órgãos do organismo, inclusive no sistema digestório. Os neurônios entéricos, responsáveis pela manutenção e coordenação das funções digestivas, também são afetados pela doença. O presente estudo analisa as alterações morfométricas dos neurônios mioentéricos duodenais de ratos com diabetes agudo induzido por estreptozootocina em comparação com ratos controles, criados sob as mesmas condições ambientais. As análises morfométricas foram feitas com equipamento computadorizado a partir de preparados de membrana corados pela técnica da NADH-diaforase. Os animais diabéticos apresentaram, de um modo geral, uma população neuronal mioentérica de menor tamanho em relação aos controles, especialmente na região antimesentérica da circunferência duodenal. Neurônios pequenos foram menos abundantes no duodeno dos animais controles, indicando possivelmente uma desidratação neuronal nos animais diabéticos, decorrente do quadro experimental.

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.