Avaliação do Nível de Atividade Física e Fatores Associados em Estudantes de Medicina de Fortaleza-ce

Por: Euton Freitas de Castro Júnior e Levi Alves Barreto.

Revista Brasileira de Ciências do Esporte - v.34 - n.4 - 2012

Send to Kindle


Resumo

Objetivou-se avaliar o Nível de Atividade Física em acadêmicos de Medicina. Estudo trans- versal, descritivo e analítico, realizado em escolas médicas públicas e privadas e em hospitais- escola de Fortaleza. Amostra de 840 alunos, 409 do sexo masculino e 431 do feminino, na faixa etária de 17 a 33 anos, escolhidos de forma aleatória. Utilizou-se o Questionário Internacional de Atividade Física na versão curta. A maioria dos estudantes (72,6%) foi classificada como sedentária ou insuficientemente ativa. Falta de tempo e estética configuram, respectivamente, a principal desmotivação e motivação para a prática de atividade física. Necessita-se de mais estudos abordando essa população, com vistas a estabelecer um delineamento mais acurado dos fatores que induzem à inatividade física.

Endereço: http://rbceonline.org.br/revista/index.php/RBCE/article/view/1318

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.