Bahia: Política de Esporte e Lazer nos Territorios de Identidade 01, 14 e 16 em Foco

Por: Alan Pimenta Schettini, Joaquim Mauricio Cedraz Nery e Lauro Gurgel Oliveira Junior.

XX Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte e VII CONICE - CONBRACE

Send to Kindle


Resumo


Em 2015 foi implantada uma ação do Ministério do Esporte (ME), gerenciada pelo Departamento de Ciência e Tecnologia do Esporte, da Secretaria Nacional de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social, a proposta de estruturação e funcionamento de um (01) Centro de Desenvolvimento de Pesquisas em Políticas Públicas de Esporte e Lazer, da Rede CEDES em cada unidade da federação com objetivo de produção e socialização de conhecimentos. O projeto na Bahia é chancelado pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), em parceria com outras Instituições.
A pesquisa matricial se localiza no âmbito das políticas públicas de esporte e lazer, que leva em consideração o contexto do Estado da Bahia e seus 27 Territórios de Identidade. Coube aos pesquisadores da Universidade Católica de Salvador investigarem os municípios que compõem os Territórios: Irecê , Piemonte do Paraguaçu e Piemonte da Diamantina . Para essa pesquisa, elegemos como método investigativo a etnografia crítica para que pudesse dar conta da superação epistemológica para além das visões parciais e estanque de ciência e do conhecimento cientifico. No Piemonte da Diamantina o município de Jacobina com 80 mil habitantes nos seus 2.360km² de área foi escolhido como sede, além de possuir Secretaria Municipal de Esporte e Lazer. No território Piemonte do Paraguaçu cuja sede é Itaberaba fundado em 1877, possui o maior número de habitantes território, cerca de 62 mil nos 2.344km² de área. No território de Irecê, o município de Irecê foi dado um destaque, considerando que o mesmo é o que contém o maior número de habitantes, cerca de 70 mil, numa área de 319 km².

Endereço: http://congressos.cbce.org.br/

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.