Bourdieu e a Sociologia do Esporte Contribuições, Abrangência e Desdobramentos Teóricos

Por: Juliano de Souza e .

Tempo Social, Revista de Sociologia da Usp - v.29 - n.2 - 2017

Send to Kindle


Resumo

Neste texto, está em pauta aquele que entendemos ser o principal legado teórico de Bourdieu para o estudo sociológico do esporte, qual seja, a sistematização de um modus operandi que permite compreender a estruturação dessa prática como um campo regido por leis de oferta e demanda e, na esteira dessa linha investigativa, demonstrar como o esporte é apropriado a partir de uma economia simbólica peculiar que atualiza as divisões do mundo social e, muitas vezes, reforça mecanismos de dominação. Para dar conta dessa análise, o texto foi dividido em três eixos de discussão. Na primeira parte, pretendemos recuperar a estrutura teórica que animou o empreendimento sociológico de Bourdieu. Já no segundo bloco analítico, procuramos restituir o modo com que o esporte foi concebido por Bourdieu como um problema sociológico. Por fim, recuperamos algumas críticas direcionadas na literatura sociológica ao referencial de Bourdieu e sugerimos que uma “apropriação inventiva” de seu modelo teórico pode ser útil no intuito de interpretar alguns processos esportivos levados a efeito na sociedade moderna.

Endereço: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S0103-20702017000200243&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.