Brincadeiras e Espaços Urbanos: Um Estudo da Prática Lúdica de Crianças de Diferentes Classes Sociais da Cidade de Maringá - Pr

Por: Fabiana Moura Arruda e Verônica Regina Müller.

Licere - v.13 - n.4 - 2010

Send to Kindle


Resumo

Esta pesquisa tem como objetivo analisar como crianças de diferentes  classes sociais da cidade de Maringá-PR brincam nos espaços urbanos de seus bairros.  O trabalho caracteriza-se como qualitativo com o uso de técnicas etnográficas. A  pesquisa de campo englobou observações nos bairros Vila Emília (classe baixa) e  Jardim Novo Horizonte (classe alta) e entrevistas com as crianças do bairro pobre. Constatamos que uma das principais diferenças é que as crianças ricas não são lá  encontradas e estão, possivelmente, em suas casas ou em outros lugares fechados e  institucionalizados, enquanto as crianças pobres brincam constantemente nas ruas,  calçadas e terrenos baldios, As primeiras são afastadas de viver suas brincadeiras na vida comunitária onde moram, já as crianças pobres estão se apropriando dos espaços  do bairro para suas práticas lúdicas.

Endereço: http://www.anima.eefd.ufrj.br/licere/pdf/licereV13N04_a2.pdf

Comentários


:-)





© 1996-2018 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.