Cálculo da Força Propulsiva Gerada Pela Mão e Antebraço do Nadador Através da Dinâmica Computacional de Fluidos

Por: A. F. Rouboa, A. J. Silva, A. M. Moreira, F. B. Alves, J. E. Rocha, João Paulo Vilas-Boas, L. Leal e V. M. Reis.

Revista Portuguesa de Ciências do Desporto - v.5 - n.3 - 2005

Send to Kindle


Resumo

RESUMO A investigação da força propulsiva produzida pela mão e antebraço dos nadadores tem-se baseado em testes experimentais. No entanto, existem algumas dúvidas sobre a precisão e fiabilidade destes cálculos. Este estudo teve dois objectivos: i) dar continuidade ao uso da Dinâmica Computacional de Fluidos (DCF) como uma nova metodologia de investigação na Natação; ii) aplicar a DCF no cálculo dos coeficientes de resistência (CR) e sustentação (CS) resultantes da simulação numérica do fluxo externo da mão e antebraço. Para este efeito, utilizaram-se três modelos bidimensionais de um escoamento em regime permanente. Um modelo frontal (θ=90º, Φ=0º) e dois modelos laterais, um tendo o dedo polegar como bordo de ataque (θ=180º, Φ=0º), e o outro tendo o dedo mindinho como bordo de ataque (θ=0º, Φ=0º). O sistema de resolução de equações utilizado foi o das equações de Navier-Stokes, para fluidos não compressíveis. Os principais resultados, demonstraram que o CR foi o coeficiente que contribuiu mais para a propulsão, sendo constante para toda a amplitude de velocidades com um valor máximo de 1,16. Com base nestes resultados, podemos concluir que: i) a DCF pode ser considerada uma nova metodologia susceptível de desenvolvimento para o cálculo de forças hidrodinâmicas em Natação (de facto neste estudo não se procedeu à respectiva validação, pelo que não se pode concluir pela sua validade); ii) nos três modelos estudados o CS parece ter uma importância secundária na geração de força propulsiva. 

Endereço: http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1645-05232005000300004&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.