Capacidade Funcional em Mulheres Jovens e Idosas: Projeções Para Uma Adequada Prescrição de Exercícios Físicos

Por: Leandro Ferreira.

Revista da Educação Física - UEM - v.19 - n.3 - 2008

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste estudo foi comparar o desempenho de capacidade funcional entre mulheres jovens e idosas brasileiras. A amostra foi composta por 80 mulheres divididas em dois grupos: Grupo Jovem (GJ; 23,2 ± 2,83 anos) e Grupo Idoso (GI; 62,45 ± 8,16 anos). Os componentes de capacidade funcional foram avaliados por meio da bateria de testes da AAHPERD: flexibilidade (FLEX), coordenação motora (COOR), agilidade e equilíbrio dinâmico (AGIL), resistência de força dos membros superiores (RESISFOR) e resistência aeróbia geral (RAG). Para todos os componentes de capacidade funcional o GJ apresentou resultados superiores e diferentes significativamente (p

Endereço: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/RevEducFis/article/view/5995/3691

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.