Caracterização da Situação Acadêmica de Crianças Portadoras de Doença Crônica

Por: Sílvia Helena Zem.

0 páginas. 2007

Send to Kindle


Resumo

O presente estudo investigou as condições acadêmicas de crianças portadoras de doença crônica. Foram realizados dois estudos a partir de entrevistas com mães e professoras dessas crianças. No primeiro estudo foram realizadas entrevistas com mães de quatro crianças portadoras de doença crônica, com idade entre dez e doze anos, que cursavam da terceira à quinta série. Outras oito crianças participaram do segundo estudo, todas portadoras de doença crônica, na faixa etária de oito a dez anos. Os resultados obtidos mostraram que quando os sujeitos permaneceram afastados do ambiente escolar por motivo de doença, não houve acompanhamento da escolaridade dos mesmos por parte da escola, família ou instituição hospitalar. Os dados mostraram também que não foram realizadas atividades de recuperação quando esses sujeitos retornavam à escola após períodos de afastamento devido à doença. No entanto, nem sempre o afastamento acarretou prejuízos no desempenho das crianças. Houve prejuízo quando a duração foi longa e/ou quando a patologia apresentada pelo sujeito era muito severa, acarretando afastamentos escolares freqüentes

Endereço: http://www.nuteses.temp.ufu.br/tde_busca/processaPesquisa.php?pesqExecutada=2&id=1404&listaDetalhes%5B%5D=1404&processar=Processar

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.