Cenário Esportivo Extraclasse: Uma Saída Para Ensinar Esporte na Escola? Análise a Partir de Um Caso no Extraclasse de Futsal

Por: A. F. Caregnato, F. R. Cavichiolli, I. Costa, T. Szemereta e W. Ramos.

IX Congresso Internacional de Educação Física e Motricidade Humana XV Simpósio Paulista de Educação Física

Send to Kindle


Resumo

O desejo de muitos garotos é jogar futsal. Atualmente, para jogar futsal o jovem atleta ingressa numa escolinha, como a de um clube esportivo ou de uma escola. No cenário escolar, uma das formas de se evidenciar o esporte pode ser por meio de uma atividade extraclasse, sendo esta, o foco desse estudo na modalidade esportiva de futsal. A presente pesquisa visou investigar os motivos que levam à participação de jovens do gênero masculino no futsal, categoria sub-13, em um contexto extraclasse de Curitiba. Os dados foram coletados em seis meses de observação participante com idas a campo semanalmente nos locais de treino e jogos da escola. As anotações foram relatadas em um diário de campo e os dados analisados por meio dos procedimentos da técnica análise de conteúdo de Bardin. Também foram aplicados questionários para 52 participantes do futsal e interpretados com base nas respostas dos sujeitos (alunos e pais) em relação ao que classificaram ser mais e menos importante sobre a participação no futsal extraclasse. Os questionários foram elaborados com base na literatura específica da área e adaptados para a realidade desta pesquisa a partir de categorias de análise, a saber: fatores pessoais, ambiente e clima de grupo, organização da prática desportiva, família, formação e supervisão da atividade, projeto educacional e esportivo, tempo e logística, outros interesses e saúde. Foram criadas três perguntas para cada categoria. Como principais resultados, verificamos que a participação dos alunos no futsal se dá devido ao jogo ser realizado entre um grupo de amigos e está diretamente ligado ao fator diversão. Para os pais, um fator pertinente na participação de seus filhos é o horário que o futsal é desenvolvido na escola, logo após a aula curricular. Isso facilita na logística de deslocamento dos pais, pois não é necessário se deslocar para levar o aluno ao futsal do colégio, basta somente buscá-lo na prática esportiva. Fatores técnicos e táticos do esporte não são prioridades no cenário pesquisado, uma vez que a aula está baseada no jogo propriamente dito e no lúdico, em outras palavras, o importante é jogar. Apesar deste trabalho ter sido limitado a um cenário específico, seus resultados podem ser sugestivos para uma realidade maior. O presente estudo também abre caminhos para outras pesquisas relacionadas com o objeto deste estudo, desde comparações com outras categorias, ou itens não levantados neste trabalho, até investigações em outros ambientes, como cidades interioranas.

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/10060/10060

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.