Cenário da Indústria do Esporte e do Marketing de Eventos

Por: e .

Atlas do Esporte no Brasil.

Send to Kindle


Resumo

A chamada “indústria do esporte” faz unir partes específicas da cadeia produtiva de um país para atender ao “mercado no qual os produtos oferecidos aos compradores relacionam-se a esporte, fitness, recreação/lazer e podem incluir atividades, bens, serviços, pessoas, lugares ou idéias” (Pitts e Stotlar, 2002). Partindose desta concepção torna-se possível estimar a parcela do Produto Interno Bruto (PIB) correspondente a esta “indústria” que no Brasil alcançou 1,7% em 1996. Este “PIB do esporte” teve um crescimento de 12,34% no período 1996 – 2000, bem superior portanto ao crescimento do PIB da nação como um todo, calculado em 2,25% no mesmo período (Kasznar, I.K. & Graça, A., 2002). Por sua vez, o marketing de eventos é uma atividade multidisciplinar e sua operacionalização envolve todos os setores da economia e profissionais de diversas áreas do conhecimento. Estruturalmente os eventos podem ser realizados em locais fechados (indoor) ou abertos (outdoor) e configurados como de grande, médio ou pequeno porte (massa, segmento e nicho)

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.