Cinética do Fluxo Sanguíneo no Início de Exercício Moderado em Idosos

Por: .

Motriz - v.3 - n.2 - 1997

Send to Kindle


Resumo

Os efeitos relacionados ao envelhecimento
na cinética do rápido aumento do fluxo sanguíneo no
início do exercício físico é amplamente
desconhecido. Além disso, se a cinética é alterada
com o treinamento em idosos também está
indefinido. Parece que esta ausência de informação é
parcialmente devida à dificuldade de uso de
métodos de avaliação não-invasivos que possam
apresentar alta resolução temporal que possam ser
usados durante o exercício. Uma outra dificuldade
que também pode ter contribuído para esta ausência
de informação é o fato de que os mecanismos
envolvidos na regulação da cinética do fluxo
sanguíneo não estão bem claros. Não está também
definido como tais mecanismos são afetados pelo
envelhecimento ou treinamento físico. Com o
objetivo de verificar se a cinética do fluxo sanguíneo
era alterado pelo envelhecimento ou atividade física,
foram desenvolvidos três estudos. Em todos eles, a
velocidade sanguínea do antebraço e a pressão
arterial de perfusão foram medidas batimento-porbatimento
cardíaco, usando ultra-som Doppler e um
manguito pletismográfico para dedos,
respectivamente. Isto permitiu o cálculo da
"condutividade" vascular do antebraço batimentopor-
batimento cardíaco. O diâmetro da artéria
braquial foi medida em vários espaços de tempo em
repouso e durante o exercício. Uma vez que o
diâmetro durante o exercício não foi diferente
comparado com o de repouso, a cinética da
velocidade sanguínea representava a cinética do
fluxo sanguíneo.

Endereço: http://www.rc.unesp.br/ib/efisica/motriz/03n2/3n2_RES10.pdf

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.