Cinética e Variabilidade da Freqüência Cardíaca Mediante Exercício Físico Predominantemente Aeróbio: Influência da Intensidade e do Tempo de Análise

Por: Eduardo Rumenig.

Revista Brasileira de Educação Física e Esporte - v.21 - n.3 - 2007

Send to Kindle


Resumo

A proposta desse estudo foi descrever o comportamento inético da freqüência cardíaca (FC) e como a variabilidade da FC (VFC) associa-se a esse fenômeno. Sete voluntários foram submetidos a um protocolo de testes em cicloergômetro, para determinação da apacidade aeróbia (Lan) e da potência aeróbia máxima. Em cinco visitas subseqüentes, os indivíduos esempenhavam 30 minutos de exercício físico em carga constante, correspondendo a 25, 50, 75, 100 e 25% do Lan. As respostas cinéticas "on" e "off" cardíacas (FCON e FCOFF) foram analisadas por unções exponenciais. Utilizou-se a análise espectral para descrever VFC. Para comparação dos coeficientes stimados pelas funções exponenciais, utilizouse ANOVA om medidas repetidas, seguido pelo teste "pos-hoc" e Bonferroni. Adotou-se um nível de significância de 5% para todas as análises. A anifestação da fase cardiodinâmica foi observada nos segundos iniciais do esforço. O componente lento foi idente para FCON em intensidades superiores ao Lan75. O "drift" cardíaco também foi observado para ntensidades a partir do Lan75. Inversamente, a FCOFF apresentou um comportamento monoexponencial, mesmo m elevados níveis de esforço. Houve diferença entre amplitude da FCOFF (Aoff) no Lan75, no Lan100, constante de tempo da FCOFF (Toff) no Lan100 e no Lan125 comparado aos mesmos índices no Lan25 Lan50. A atividade vagal diminuiu em função do exercício, mas elevou-se novamente após a nterrupção do mesmo, enquanto a contribuição simpática não apresentou associação com o esforço. A ssimetria entre FCON e FCOFF refletem diferenças nas respostas hemodinâmicas e neurais envolvidas no ontrole cardíaco.

Endereço: http://www.revistasusp.sibi.usp.br/pdf/rbefe/v21n3/v21n3a5.pdf

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.