Co-activação dos Músculos Flexores e Extensores da Articulação do Joelho em Condições Isocinéticas

Por: J. Páscoa Pinheiro e Rui S. Gonçalves.

Revista Portuguesa de Ciências do Desporto - v.5 - n.2 - 2005

Send to Kindle


Resumo

RESUMO A co-activação dos músculos flexores e extensores do sistema articular do joelho tem sido amplamente examinada com recurso à electromiografia de superfície. Esta revisão tem com objectivo apresentar achados relativos à contribuição da actividade electromiográfica (EMG) antagonista para a acção motora do complexo do joelho, em condições isocinéticas. Os factores posição angular, tipo de acção muscular e velocidade angular influenciam os níveis de actividade EMG antagonista. Em condições isocinéticas, a activação antagonista contribui para a restrição do momento articular resultante e para a manutenção da estabilidade articular. Palavras-chave: co-activação, joelho, electromiografia de superfície, dinamometria isocinética.

Tags: Nenhuma cadastrada :(

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.