Coeducação e Experiências Positivas. Contribuições Para a Convivência a Partir da Expressão Motriz Cooperativa

Por: Antoni Costes Rodríguez, Jaume March Llanes, Jorge Serna Bardavio, Pere Lavega Burgués e Unai Sáez de Ocáriz Granja.

Movimento - v.23 - n.3 - 2017

Send to Kindle


Resumo

Criar experiências positivas em Educação Física é um dos aspectos chave para favorecer a educação de relações interpessoais. Este estudo examinou o efeito das situações motrizes de expressão cooperativas (SMEC) sobre os estados de ânimo (EA) de universitários ao participarem em grupos separados e mistos. Participaram 81 alunos (22 meninas e 59 meninos) do curso de graduação em Ciências da Atividade Física e Esporte (INEFC Barcelona). Ao início e ao final de cada sessão os participantes preencheram o questionário POMS. A análise estatística mediante equações de estimativa generalizadas mostrou que em ambos os grupos melhorou os EA dos participantes. Os valores de tensão-ansiedade e depressão-abatimento foram mais favoráveis nos grupos mistos; enquanto pontuação global, vigor-atividade e fadiga-imobilidade foram superiores para os grupos separados. Os resultados confirmam a contribuição das SMEC para a criação de ambientes positivos e a melhora da convivência em e entre ambos os gêneros.

Endereço: http://www.seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/72419

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.