Comparação do ângulo da Articulação Subtalar Durante Velocidades Submáximas de Corrida

Por: Gabriela Lovis Black, , Leonardo Rossato Ribas, , Marcelo Coertjens e .

Acta Ortopédica - v.13 - n.2 - 2005

Send to Kindle


Resumo

O objetivo foi descrever o comportamento da pronação máxima (PM), da velocidade máxima de pronação (VP) e do cruzamento linear (CL) dos pés direito e esquerdo, de 23 corredores de rendimento, durante corrida em esteira rolante, em velocidades de 11 e 13 km. h-1 para mulheres e, 14 e 16 km. h-1 para homens, relacionadas a uma média de 70% e 75% do consumo máximo de Oxigênio (VO2máx). A análise estatística (Teste T de Students para amostras dependentes e independentes, com p<0,05), demonstrou que, com o aumento da intensidade submáxima de corrida, houve um aumento significativo na PM e, com aumento da velocidade linear de corrida, houve um aumento significativo na VP. Em relação ao CL, acreditamos que este esteja influenciado pela técnica de corrida imposta pelo corredor.
 

Endereço: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S1413-78522005000200001&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.