Comparação de Dois Critérios de Classificação de Jogadores de Futebol Profissional da Assimetria Lateral de Força dos Membros Inferiores

Por: Alvaro Dressler Zaidan, Edgardo Alvares de Campos Abreu, Eduardo Mendonça Pimenta, Fabiola Bertu Medeiros, Jacielle Carolina Ferreira e Silvia Ribeiro Santos Araújo.

Revista Brasileira de Cineantropometria & Desempenho Humano - v.19 - n.6 - 2017

Send to Kindle


Resumo

Estudos prospectivos têm indicado que avaliar a função muscular pelo teste isocinético na pré-temporada é capaz de identificar variáveis da força muscular que se associam a lesões nos músculos posteriores da coxa em jogadores de futebol, entretanto, os resultados são conflitantes e podem estar relacionados aos diferentes pontos de corte para categorização do atleta em assimétrico. Diante de resultados antagônicos, o presente estudo objetivou: i) Identificar o ponto de corte da assimetria lateral (AL) do intervalo de confiança de 95% para o pico de torque em jogadores de futebol, avaliado no teste isocinético, levando em consideração a média populacional; ii) Comparar a AL entre o valor de corte de 15%, proposto pela literatura, e o limite superior do intervalo de confiança de 95% (LS) da população estudada. 64 jogadores de futebol profissional realizaram cinco repetições máximas de flexão e extensão do joelho na velocidade de 60°/s com intervalo de um minuto entre repetições. Para determinação do ponto de corte da AL, utilizou-se o LS e para a concordância da informação diagnóstica entre os diferentes valores de corte foi aplicado o teste χ² de McNemar. A proporção entre simétricos e assimétricos não foi diferente entre os valores de corte de 15% e o populacional, tanto para os flexores do joelho (χ² = 0.5; p = 0.250) quanto para os extensores do joelho (χ² = 2.0; p = 0.125). Conclui-se que, o ponto de corte populacional proporciona uma classificação dos atletas de futebol profissional similar ao valor de 15% referenciado na literatura. 

Endereço: https://periodicos.ufsc.br/index.php/rbcdh/article/view/1980-0037.2017v19n6p644

Comentários


:-)





© 1996-2018 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.