Comparação da Intensidade de Mini-jogos de Handebol Através do Registro da Frequência Cardíaca

Por: Jacielle Carolina Ferreira, , Rafael Soncin Ribeiro e Sara Andrade Rodrigues.

XIV Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

Objetivos:

O objetivo deste trabalho foi comparar a intensidade de mini-jogos de handebol realizados com diferentes quantidades de jogadores em espaço de jogo com as mesmas dimensões, através do registro da frequência cardíaca (FC).
Métodos e Resultados:

A amostra foi composta por dez atletas amadores de handebol (25,1 ± 3,2 anos). Foram realizados três mini-jogos de handebol com o objetivo de acertar um alvo fixo, as demais ações de jogo seguiam as regras do handebol. Todos os jogos aconteceram em um espaço de jogo com as mesmas dimensões: 10x10m. No jogo 1 (J1) jogavam dois contra dois jogadores, no jogo 2 (J2) jogavam três contra três, e no jogo 3 (J3) jogavam dois contra dois mais um “coringa” que jogava sempre a favor do ataque. Os jogos tiveram duração de 10 minutos cada, sendo que todos os atletas jogaram os três jogos em ordem aleatória, com intervalo médio de 10min entre eles. Outros atletas que não estavam sendo monitorados também participaram dos jogos. A FC foi registrada através do Team System (Polar - Finlândia). Através da Anova one-way foi verificado que não houve diferença na FC média entre os grupos (p=0,324).
Conclusão:

Através dos resultados obtidos, podemos dizer que apesar de diferentes quantidades de jogadores em um mesmo espaço de jogo, os jogos não apresentaram intensidades diferentes quando comparados através da FC média. O conhecimento da intensidade de atividades com finalidade tática também é importante para registro e controle da carga de treinamento

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.