Competições de Capoeira: a Faceta Esportiva da Arte Brasileira e o Elemento Acrobático no Jogo

Por: .

III Congresso de Ciência do Desporto

Send to Kindle


Introdução: A Capoeira é uma arte afro-brasileira, que faz parte da cultura corporal de
movimento de nossa nação. Dentre os vários aspectos encontrados na Capoeira, este
trabalho destaca a faceta esportiva, que se dá por meio dos "jogos de capoeira", que são
competições entre capoeiristas num mesmo grupo ou intergrupos, e que podem
acontecer em níveis regionais, estaduais, brasileiros e mundiais.

 Objetivo: Esta pesquisa
teve por objetivo conhecer a estrutura (regras, pontuação e avaliação, corpo de jurados,
estrutura física, recursos humanos e financeiros entre outros) das competições de
capoeira realizadas por diferentes grupos e a presença do elemento acrobático no jogo,
como ele ocorre nas competições, seu surgimento e seus significados.

 Metodologia:
Além da pesquisa bibliográfica, foram realizadas entrevistas com quatro mestres de
Capoeira de reconhecimento nacional, assim como o registro das competições de
Capoeira do grupo ABADÁ-Capoeira (Associação Brasileira de Apoio e
Desenvolvimento da Arte Capoeira) na 8ª. Edição dos Jogos Paulistas ABADÁ-
Capoeira, junho 2008, em Americana, SP e das competições realizadas pela FICA
(Federação Internacional de Capoeira) nos Jogos Regionais em São Roque - SP, em
julho de 2007.

 Resultados: Dos quatro mestres dos grupos de Capoeira entrevistados
apenas dois possuem competições organizadas e regulamentadas - ABADÁ-Capoeira e
FICA. Portanto se fez necessária a comparação pormenorizada destes dois grupos, nas
seguintes categorias: tempo da competição, participantes, divisão das categorias,
vestimenta utilizada, princípio das competições, ritmos jogados, procedimentos do
campeonato, pontuação, juízes, avaliação, critério de desempate, desclassificação e
premiação.

 Conclusão: Este trabalho traz como resultado informações relevantes para o
entendimento das possibilidades da prática da Capoeira, especialmente de seu aspecto
competitivo, a partir da realidade encontrada nas competições atualmente realizadas e
da contribuição de mestres e dirigentes que atuam nessa área. Quanto às competições da
FICA e a ABADÁ-Capoeira, apesar de serem semelhantes na organização, são
diferentes na interpretação de valores na competição. Na ABADÁ-Capoeira o jogo é
entendido como algo construído pelos dois participantes, em que devem mostrar o
conhecimento do ritmo, técnica e objetividade. A FICA entende que no jogo há sempre
um participante que mostra superioridade e objetividade e que levará mais pontos. Na
ABADÁ-Capoeira vemos o jogo com o outro e na FICA o jogo contra o outro. Com a
observação das competições, pudemos perceber que a acrobacia não define a Capoeira e
não é essencial à luta, pois não é eficiente durante um combate.A acrobacia na capoeira
vem com a maneira do expressar-se do africano, com a influência de danças e rituais de
suas terras, com a imitação dos movimentos dos animais nas matas brasileiras. Com a
necessidade de re-significação da Capoeira no tempo, houve a assimilação de
movimentos vindos de outras manifestações culturais como a ginástica e as lutas
orientais, para uma maior aceitação da elite brasileira.

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.