Comportamento Agudo da Pressão Arterial Após Exercícios Resistidos Para Pequenos e Grandes Grupamentos Musculares

Por: Elisa Maria Rodrigues dos Santos, Ingrid Bárbara Ferreira Dias, , Marcelo Santos, Márcia Goldoni e Roberto Fares Simão Junior.

Arquivos em Movimento - v.3 - n.1 - 2007

Send to Kindle


Resumo


Os efeitos dos exercícios resistidos (ER) sobre a pressão arterial (PA) ainda são pouco compreendidos e controversos. Portanto, o objetivo desse experimento é verificar o comportamento da PA após dois ER para grupamentos musculares diferentes em relação ao repouso, um envolvendo membros superiores e outro membros inferiores. Foram avaliados 11 indivíduos experientes em ER e realizaram-se teste e re-teste de 8RM para cada exercício. Nas visitas posteriores realizaram-se seis séries de 8RM nos exercícios leg press e rosca bíceps no banco scott com intervalos de dois minutos. A PA foi previamente aferida por equipamento auscultatório automático (Klock®, Germany), e após o término das sessões em ciclos de 10 minutos, durante 60 minutos. Para comparar o comportamento da PA pós-esforço, utilizou-se ANOVA para medidas repetidas com verificação post-hoc de Tukey (p< 0,05). Para o leg press, verificou-se reduções significativas da PA sistólica em todas as medidas, exceto no 20o minuto, porém na rosca bíceps no banco scott, apenas uma medida foi significativamente mais baixa que o repouso (50o minuto). Na PA diastólica, não foram verificadas alterações em relação ao repouso nos exercícios realizados. Em conclusão, o exercício que utilizou maior grupamento muscular promoveu maior efeito na resposta hipotensora pós-esforço.

Endereço: http://vomer2.eefd.ufrj.br/~revista/index.php/EEFD/article/view/183

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.