Comportamento da Fc Após Oito Sessões de Treinamento Combinado em Pacientes Sobreviventes de Câncer

Por: Amanda Aparecida Delfino, Fernanda Sá Carvalho, Rafaela Silva Araujo e Sandro Fernandes da Silva.

XIV Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

Objetivo:
Verificar o comportamento da FC pré e pós oito semanas de treinamento combinado em pacientes sobreviventes de câncer.

Metodologia:
Amostra:
Constituída por 13 sobreviventes de câncer (6 homens e 7 mulheres). Com idade média de 58,31 ± 11,57 anos. Todos os sujeitos assinaram um termo de consentimento livre e esclarecido para participação no estudo, aprovado pelo comitê de ética da Universidade de Itaúna sob nº de protocolo 017/10. As atividades aconteceram na academia da Universidade Federal de Lavras, duas vezes por semana, totalizando oito sessões, A Freqüência cardíaca: Foi aferida por Monitor de Pressão Digital , WS-501 Techline. Sendo a mesma monitorada ao início e ao final de cada sessão .
Estatística:
Descritiva com comparação de média e desvio padrão. Foi utilizado o teste de Shapiro Wilk para verificar a distribuição da amostra e teste T para comparar a FC antes e após.

Resultados:
Os resultados encontrados apresentaram médias iguais a 79 + 13,08 Bpm para FC pré e 85 + 15,41 Bpm para FC pós. Encontrado-se diferença significativa somente na FC pós, com (p =0,0011). Sendo o nível de significância p<0,05.

Conclusão:
Observa-se um aumento significativo na FC pós da amostra estudada, isto pode ter ocorrido devido a uma gama de fatores, tais como: tempo de recuperação, intensidade do exercício mas principalmente pela retirada vagal.

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.