Comportamento da Força Muscular Após Três Semanas de Destreinamento em Adultos Jovens

Por: Dartagnan Julifer Borges, Luiz Fernando Gasparete, Rafael Boltd, Roberto Simão e .

Revista Brasileira de Ciência & Movimento - v.18 - n.1 - 2010

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste estudo foi verificar o comportamento da força muscular após três semanas de destreinamento em adultos jovens. Dez homens (22,5±5,5 anos) ativos, saudáveis e experientes no treinamento de força realizaram o teste de 10RM nos exercícios leg press, supino reto e rosca scott, pré e pós um período de três semanas de destreinamento. Para a análise dos dados foi utilizado o teste não paramétrico de Wilcoxon, o nível de significância mantido em 5% e as análises realizadas no software SPSS 15.0. Não foi verificada diferença significativa em nenhum dos exercícios no pré e pós teste (leg press: pré 294,4±46,7, pós 316,7±51,7 kg; supino reto: pré 58,5±8,1, pós 59,4±9,9 kg; rosca scott: pré 31,2±2,3, pós: 31,8±3,9 kg). Entretanto, no leg press e rosca scott houve um incremento da força de 7,8 e 3,2%, respectivamente. Pode-se concluir que não existe alteração na força muscular após três semanas de destreinamento.

Endereço: http://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/article/view/1315

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.