Comportamento Motor da Criança com Deficiência Múltipla nos Contextos Vivenciais: Um Estudo de Caso

Por: Daniela Bosquerolli Prestes.

2013 31/07/2013

Send to Kindle


Resumo

Diversos estudos sobre a inclusão de crianças com deficiência na escola já foram realizados. Diante das questões estudas e das especificidades características da deficiência múltipla, constatou-se que existem poucas pesquisas que abordam a questão do desenvolvimento motor destas crianças no contexto escolar. Desta forma, o presente estudo procura avaliar a quantidade e a qualidade das oportunidades de estimulação motora presentes nos contextos vivenciais (familiar e escolar) e sua relação com o comportamento motor da criança com deficiência múltipla inserida na rede pública de ensino regular de Florianópolis. Foi realizado um estudo de caso, com uma criança do sexo feminino de 11 anos de idade, com diagnóstico de deficiência múltipla apresentando baixa visão, que frequentava o ensino fundamental da rede municipal de ensino de Florianópolis. Para avaliar as características biopsicossociais, clínicas e escolares do indivíduo do estudo foi utilizada uma ficha cadastral e avaliação multiprofissional disponibilizada pela escola. Para avaliar a funcionalidade do indivíduo do estudo, foi utilizado o protocolo Avaliação Pediátrica de Incapacidade (PEDI).

Endereço: http://www.tede.udesc.br/tde_busca/processaPesquisa.php?listaDetalhes%5B%5D=1817&processar=Processar

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.