Confiabilidade das Medidas da Arquitetura do Músculo Vasto Lateral Por Ultra-sonografia

Por: Kelly Mônica Marinho e Lima e Liliam Fernandes de Oliveira.

Motriz - v.19 - n.1 - 2013

Send to Kindle


Resumo

Confiabilidade das medições das variáveis ​​arquitetura muscular por ultra-som são importantes referências para estudos aplicados da mecânica musculares. O objetivo deste estudo foi analisar a confiabilidade das medidas de Vasto Lateral (VL) da espessura do músculo (MT), de ângulo pennation (PA) e comprimento de fibra (FL). Imagens de ultra-sons foram obtidos em dois dias (N = 14, 22 ± 1,75 anos) com um total de sessenta medições em cada sujeito. A confiabilidade foi determinada pelo coeficiente de correlação intraclasse (ICC), coeficiente de variação (CV) e erro típico da medida (TEM). Os resultados mostram alta confiabilidade: MT (0,96 a 0,99), PA (0,83 a 0,99) e FL (0,80 a 0,99) ICC; MT (3,12 a 3,84%) , PA (3,68 a 6,34%) e FL (3,98 a 6,33%) CV; MT (0014 a 0,15 mm), PA (0,18 a 0,59 º) e FL (0, 07 um) MET 1,47 mm. Estas medidas devem ser consideradas nos estudos sobre o impacto de programas de condicionamento na arquitetura do músculo vasto lateral.

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/4963

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.