Configurações e Relações Estabelecidas no Estágio Curricular Supervisionado de Educação Física

Por: , e .

Revista da Educação Física - UEM - v.29 - n.1 - 2018

Send to Kindle


Resumo

O objetivo desta pesquisa foi o de analisar as configurações existentes e as relações estabelecidas (na universidade e na escola) entre os estagiários de Educação Física (EF) e os agentes da escola no desenvolvimento do Estágio Curricular Supervisionado (ECS), a partir dos diferentes níveis de ensino da Educação Básica. Caracteriza-se como sendo do tipo exploratória, com abordagem de método misto (quantitativa e qualitativa). Participaram da pesquisa, respondendo a um questionário, 90 acadêmicos do curso de EF-licenciatura, da Universidade Estadual de Maringá, e 63 professores de EF de escolas da rede municipal e estadual. Na análise quantitativa, os dados foram analisados com o auxílio do software SPSS Statistics 20.0, e emprego dos testes de Kruskal-Wallis e post hoc de Dunn. Os dados qualitativos foram organizados com auxílio do software de análise qualitativa NVivo 10, utilizando a técnica de análise de conteúdo e com o aporte teórico da teoria configuracional de Norbert Elias. Evidenciou-se diferenças quanto: a duração do ECS e as relações mais estreitas com os agentes da escola; aproximação entre o aprendizado da universidade com a realidade da escola; relacionamento profissional do estagiário com o professor orientador. De forma geral, constataram-se inter-relações entre os aspectos avaliados e as relações estabelecidas e a configuração do ECS.

Endereço: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/RevEducFis/article/view/36081

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.