Conhecimento de Adultos Sobre o Papel da Atividade Física na Prevenção e Tratamento de Diabetes e Hipertensão: Estudo de Base Populacional no Sul do Brasil

Por: , Alan Goularte Knuth, Giovâni F. Del Ducai, Marina M. Kremer, Mario R. Azevedo, , Renata Moraes Bielemann, Shana G. da Silva e Thiago T. Borges.

Cadernos de Saúde Pública - v.25 - n.3 - 2009

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste estudo foi avaliar o conhecimento dos adultos de Pelotas, Sul do Brasil, sobre o papel da atividade física na prevenção e tratamento de diabetes e hipertensão arterial, e os fatores associados aos conhecimentos. Foi realizado um estudo transversal de base populacional, com amostragem por conglomerados, incluindo 972 indivíduos de 20 a 69 anos. O conhecimento dos efeitos da atividade física na prevenção e tratamento foi maior para a hipertensão (82%) do que para diabetes (47,2%). Para a prevenção de diabetes maiores conhecimentos se associaram ao sexo feminino (RP = 1,16; IC95%: 1,03-1,31), e no tratamento além destes, indivíduos ativos, obesos e de elevado nível econômico, tiveram maior conhecimento. Na prevenção da hipertensão, elevado conhecimento associou-se ao maior nível econômico (RP = 1,23; IC95%: 1,11-1,36). Quanto ao tratamento, mulheres, indivíduos ativos e obesos apresentaram maior conhecimento. Em síntese, o conhecimento sobre o papel da atividade física no tratamento de diabetes e hipertensão é maior, em comparação à prevenção; tal achado merece destaque, pois a capacidade de prevenção da atividade física não parece estar tão bem difundida em termos populacionais.

Endereço: http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2009000300006&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.