Conhecimento Construído em Parcerias [Recurso Eletrônico]: Desafios na Educação Física

Por: Elisabete dos Santos Freire e Sônia Cavalcanti Corrêa.

262 páginas. Bookmakers. 2012

Send to Kindle


Sobre a Obra

Introdução (extrato)

...A primeira parte apresenta ensaios e textos sobre temas escolhidos pelos professores. A motivação para a construção desses trabalhos surge em diferentes momentos: em reuniões de grupos de estudo, nas bancas de defesa dos trabalhos de conclusão de curso ou, ainda, em discussões informais, realizadas na sala de professores, no refeitório ou na lanchonete.

O primeiro capítulo, escrito por Corrêa, Caperuto, Costa, Coutinho e Hirota, apresenta o olhar de diferentes áreas do conhecimento sobre a fadiga. Nele, os autores fazem uma síntese de discussões realizadas em diferentes disciplinas que trataram do tema de maneira interdisciplinar, discussão amadurecida em reuniões do grupo de estudo.

No segundo capítulo, Uezo, Masseto, Massa e Campanelli analisam o talento esportivo, ideia que toma forma nas discussões realizadas no grupo de estudos sobre esse tema, organizado pelos autores.

Outro capítulo que surge a partir das análises em grupo de estudo foi o elaborado por Verenguer e Costa, discutindo assunto recente, que merece o olhar dos pesquisadores da educação física: a WEB 2.0.

Conversas informais entre os professores, sobre os alunos e suas reações a determinados temas discutidos em aula, originam os dois capítulos seguintes. Matos e Bojikian analisam como os temperamentos humanos se apresentam nas atividades de ensino durante a graduação de futuros profissionais de educação física e na organização de equipes de voleibol. Hirota, Tondato e Knijnik procuram integrar conhecimentos de diferentes pesquisas para compreender as relações entre motivação, ansiedade e lesões no esporte.

Na segunda parte do livro estão reunidos textos que apresentam relatos de experiências ou propostas pedagógicas aplicadas e avaliadas pelos seus autores. Assim, no sexto capítulo Masseto, Ressurreição e Cossote descrevem uma proposta pedagógica para discutir o salvamento aquático nos cursos de graduação, a partir da integração entre as disciplinas teoria e prática dos esportes aquáticos e socorros de urgência.

Na mesma linha, Corrêa, Freire, Ladeira, Piceda e Rodrigues analisam aspectos biomecânicos do equilíbrio e apresentam propostas para desenvolver esse tema nas aulas de educação física. Nos dois capítulos seguintes, de autoria de Filgueiras e Paiano e de Filgueiras, Rodrigues e Silva, os resultados da aplicação de projetos interdisciplinares são relatados. Os autores se fundamentam em uma epistemologia da prática e apresentam dois exemplos de integração entre ensino, pesquisa e extensão.

Encerrando o livro, Grillo, Pichiliani, Souza Jr., Merida e Ferreira Filho relatam a experiência com a Mostra de Ginástica, evento que, realizado semestralmente há sete, usa a ginástica como meio para tratar diferentes temas apresentados nas disciplinas envolvidas. Com a apresentação deste livro, pretendemos compartilhar experiências e disseminar conhecimento produzido, esperando que nossos escritos tragam contribuições tanto para aqueles que estão diretamente envolvidos com o ensino, a pesquisa e a extensão quanto para os demais graduandos e profissionais que constroem a educação física diariamente.

Sumário

título página
Tecnologia da Informação e Comunicação na Graduação em Educação Física: o Uso da Web 2.0 e do Moodle 71

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.