Conhecimento de Escolares do Ensino Médio Sobre a Associação de Fatores de Risco Relacionados a Doenças Crônicas

Por: , Cleiton Cardoso e Leandro Quadro Corrêa.

Corpoconsciência - v.20 - n.2 - 2016

Send to Kindle


Resumo

O objetivo do estudo foi avaliar o nível de conhecimento de alunos do 3º ano do Ensino Médio de um município do sul do Brasil sobre a associação de quatro fatores de risco (sedentarismo, tabagismo, consumo exagerado de álcool e alimentação inadequada) relacionados ao surgimento de oito doenças crônicas (diabetes mellitus, hipertensão, AIDS, osteoporose, câncer de pulmão, depressão, cirroses e infarto agudo do miocárdio). Foi realizado um estudo exploratório de caráter transversal, incluindo 76 escolares. As associações mais prevalentes foram do sedentarismo com infarto agudo do miocárdio; tabagismo com câncer de pulmão; consumo excessivo de álcool com cirrose hepática e alimentação inadequada com diabetes e também sobre a falta de relação entre sedentarismo e cirrose hepática; tabagismo e alimentação inadequada com Aids. Novas políticas públicas escolares são necessárias para aumentar o conhecimento sobre temas relacionados à saúde, o que pode implicar na prevenção de doenças crônicas.

Endereço: http://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/corpoconsciencia/article/view/4342

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.