Conhecimento do Profissional de Educação Física Frente à Atuação com Portadores de Diabetes Mellitus nas Academias de Ginástica de Fortaleza, Ce

Por: Luciana Zaranza Monteiro.

Revista Brasileira de Educação Física e Esporte - v.23 - n.2 - 2009

Send to Kindle


Resumo

O objetivo foi avaliar o conhecimento do Profissional de Educação Física frente à atuação com diabéticos nas academias de ginástica de Fortaleza, CE. Trata-se de um studo de abordagem quantitativa, descritivo e transversal, tendo sido conduzido nas academias de inástica cadastradas no Conselho Regional de Educação Física - CREF-5. Participaram 400 profissionais adastrados no Conselho Regional de Educação Física - REF- 5 que atuavam nas 84 academias de ginástica do Município de Fortaleza-CE. Foi utilizado um questionário sobre o conhecimento de critérios diagnósticos de iabetes, valor da glicemia em jejum, cuidados para a prática de atividade física e recomendações para adquirir um melhor controle do diabetes. Dos 400, 265 (66,3%) atuavam com diabéticos, sendo que 182 (68,7%) não abiam informar os valores glicemicos para considerar um aluno diabético e 52 (19,6%) não abiam as situações que contra-indicavam o exercício físico e nem as recomendações que esses alunos everiam receber. A maioria (75%) não realizava o monitoramento glicêmico. Os profissionais de ducação Física ainda possuem conhecimentos insuficientes para exercer a boa prática profissional com iabéticos.

Endereço: http://www.revistasusp.sibi.usp.br/pdf/rbefe/v23n2/v23n2a04.pdf

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.