Consumo de Frutas, Verduras e Legumes, e Atividade Física em Estudantes da Universidade Federal de Santa Catarina de Florianópolis

Por: Caroline Bandeira.

2013 00/00/0000

Send to Kindle


Resumo

O consumo de frutas, verduras e legumes (FLV) e a prática de atividade física (AF) são indispensáveis para o bom funcionamento do organismo. Má alimentação e sedentarismo são importantes fatores de risco para doenças crônicas não transmissíveis, contribuindo assim para o aumento desses agravos nas últimas décadas. O objetivo do estudo foi avaliar a associação entre o consumo de FLV em estudantes universitários e os fatores sociodemográficos e comportamentais associados. Trata-se de um estudo transversal com uma amostra representativa dos universitários da Universidade Federal de Santa Catarina em Florianópolis (N=1314). Dados foram coletados por meio de um questionário auto-aplicável no ano de 2012 em universitários com idade a partir de 18 anos que responderam as perguntas sobre a freqüência do consumo de FLV, frequência e duração da prática de AF, hábito de fumar, além de perguntas sobre dados socioeconômicos e demográficos. A média do consumo diário de FLV foi menor que duas vezes ao dia, sendo que as mulheres consumiam mais do que os homens (p=0,002), e quanto maior a idade dos universitários, maior a média de consumo. Do total de entrevistados, 38,6% praticavam menos que 10 min/dia de AF, 24,9% entre 10 a 19 min/dia e 36,5% praticava mais que 20 min/dia. Os resultados encontrados evidenciarm que o consumo de FLV em ambos os sexos é baixo, servindo de subsídio para ações de prevenção às doenças crônicas não transmissíveis, com a adoção de estratégias educativas, principalmente entre universitários, enfatizando a importância da alimentação saudável e da prática de atividade física na redução de agravos à saúde. 

Endereço: http://ppgsc.ufsc.br/

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.