Contato, Improvisação e Interação: a Dança Entre Mães e Filhos com Deficiência

Por: Keyla Ferrari Lopes e Paulo Ferreira de Araújo.

Pensar a Prática - v.18 - n.1 - 2015

Send to Kindle


Resumo

Este estudo tem como objetivo refletir sobre osdepoimentos de mães de crianças com deficiência que participaram de atividadespráticas de dança contato improvisação juntamente com seus filhos. Asatividades foram planejadas e desenvolvidas com um grupo de crianças e jovenscom diferentes habilidades motoras e cognitivas, onde a participação das mães eranecessária. Foram utilizadas as as contribuições Bardin para análise daentrevista aplicada ao grupo de oito mães que participaram desta atividade. Observamosque a interação entre mãe e filho mediada pelo movimento corporal trouxebenefícios nos aspectos motores, emocionais e afetivos para ambas as partes. Asmães e crianças deste estudo superaram limitações corporais e afetivas.
 

Endereço: http://revistas.ufg.emnuvens.com.br/fef/article/view/25748

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.